Daniel Senise

Daniel Senise nasceu em 1955, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha. Formado em Engenharia Civil pela UFRJ em 1980, ingressou no ano seguinte na Escola de Artes Visuais do Parque Lage, onde quatro anos depois tornou-se professor, vínculo que manteve até 1996. Um dos principais nomes da chamada “Geração 80”, a relação de Senise com a pintura é pautada por um pensamento crítico das técnicas clássicas, em busca de novas formas narrativas e pictóricas sobre o tempo, a memória e a fragmentação do mundo material. Em seu trabalho, o artista aplica uma gama de recursos para deslocar a figuração e outros elementos tradicionais da pintura, como a relação entre figura e fundo. Sua paleta fechada de cores surgidas a partir de materiais como prego oxidado, pó de metal, alumínio, madeira, laca, cimento, papéis e tecidos, colabora, paradoxalmente, para que sua pintura se amplie em múltiplos sentidos. Desde a última década, explora a temática da arquitetura e a tridimensionalidade de suas perspectivas no plano bidimensional, criando ângulos improváveis em salas vazias e monocromáticas, inventando um construtivismo pessoal em andaimes caóticos e grades enganosamente cartesianas. Sua obra se desdobra em experiências materiais, como as pinturas-colagens de páginas de livros de arte, para dali se expandir em esculturas e instalações de tijolos e chapas de papel reciclado.

Livros

Nome:

Email:

Estado:

Cidade:

Data de nascimento:

/ /

Áreas de Interesse: