Solange Pessoa

R$ 130,00

Obrigado! Enviado com sucesso.

Problema ao enviar, tente novamente.

O primeiro livro monográfico sobre a artista brasileira, Solange Pessoa apresenta sua obra de forma substancial e abrangente. O ponto de partida é seu trabalho escultórico, que mobiliza materiais como couro, cabelo humano, cera e sangue de animais. As obras evocam questões relacionadas ao corpo humano e à anatomia animal, vacilando entre a beleza e a abjeção, criando conexões formais entre tradições indígenas brasileiras e a arte pós-minimalista. Solange Pessoa apresenta um panorama completo da contribuição de Pessoa à arte brasileira, do início de sua carreira, no final dos anos 1980, até o presente. É o retrato de três décadas de um trabalho não convencional, monumental e ao mesmo tempo íntimo, sublime e visceral. O livro conta ainda com imagens dos cadernos e arquivos pessoais da artista, além de textos dos curadores Cecilia Fajardo-Hill e Alex Bacon, do pesquisador Eduardo Jorge de Oliveira e uma entrevista da artista à curadora Liz Munsell.

Sobre a artista
Para além das claras referências vindas da observação da organicidade ou das experimentações estéticas rupestres, o que salta na obra de Solange Pessoa é a pulsão de uma vitalidade singular, que se manifesta por meio de contornos peculiares, assoprando figuras, formas e coisas em que reconhecemos o movimento primordial da gênese. Em seus trabalhos a materialização da vida assume uma profundidade radical, oferecendo uma linguagem própria de leitura e imaginação do que se encontra no mundo. Vê-se surgir, então, espécies que carregam em si mais ou menos características dos três reinos – mineral, vegetal e animal – e transmitem a universalidade a partir de seus aspectos mais locais. Solange Pessoa (Ferros, 1961), vive e trabalha em Belo Horizonte, Brasil. Suas mostras individuais mais recentes incluem In the Sun and the Shade, Mendes Wood DM, Bruxelas (2020); Longilonge, Ballroom Marfa, Marfa, Texas, (2019); Solange Pessoa, Mendes Wood DM, Nova York (2018); Solange Pessoa, Blum & Poe, Los Angeles (2017); Solange Pessoa, Mendes Wood DM, São Paulo (2016); Metaflor-Metaflora, Museu Mineiro, Belo Horizonte (2013); Museu de Arte da Pampulha, Belo Horizonte (2008); Museu da Inconfidência, Ouro Preto (2000); Palácio das Artes, Belo Horizonte (1995); e Centro Cultural São Paulo, (1992). Pessoa recebeu o prêmio Pollock Krasner Foundation (1996/1997), e participou de diversas exposições coletivas, incluindo Invenção de Origem, Estação Pinacoteca, São Paulo (2018); La Fin de Babylone - Mich Wunder, dass ich so Fröhlich bin, Koln Skulptur #9, Colônia (2017); New Shamans (2016), High Anxiety (2016), e No Man’s Land: Women Artists (2015)[ID1] , todas na Rubell Family Collection, Miami, USA; Arte e Patrimônio, Paço Imperial, Rio de Janeiro (2014); Mostra do Redescobrimento, CAPS Musée d'Art Contemporain, BordeauxID2; e Heranças Contemporâneas (1999), Encontros e Tendências (1993), Museu de Arte Contemporânea de São Paulo.

Sobre o organizador
Alex Bacon é historiador da arte e mora em Nova York. Foi curador de diversas exposições. A mais recente, focada na obra de Roy Colmer, ocorreu na Lisson Gallery, em Nova York. Proferiu palestras em diversas instituições, incluindo a universidade de Harvard; a ICA, em Londres; o New Museum; e o Museum für Moderne Kunst, em Frankfurt. Atualmente está concluindo seu PhD em história da arte, na universidade de Princeton, com uma tese sobre a primeira década da carreira de Frank Stella.

Ficha Técnica
Artista Solange Pessoa
Organizador Alex Bacon
Tradutora Adriana Francisco
Idioma Português/Inglês
Páginas 430
ISBN 9788555910968
Encadernação Capa Dura
Formato 20,3 x 25,4 cm
Ano 2019

Solange Pessoa
Solange Pessoa
Solange Pessoa

Nome:

Email:

Estado:

Cidade:

Data de nascimento:

/ /

Áreas de Interesse: