Ai Weiwei – Entrevistado por Hans Ulrich Obrist

R$ 45,00

Obrigado! Enviado com sucesso.

Problema ao enviar, tente novamente.

O artista Ai Weiwei, nesta série de encontros com o curador suíço Hans Ulrich Obrist, discute os diversos aspectos de sua vida artística e de sua obra, falando de temas que vão de arquitetura, natureza, filosofia, cerâmica e blogs até as influências que alimentam seu trabalho. O artista fala ainda sobre o pai, a infância passada no exílio e suas críticas explícitas ao Estado Chinês. Reunidas, essas extraordinárias conversas propiciam um olhar único sobre a complexidade do pensamento e da obra de Ai Weiwei, e ressaltam a importância da liberdade pessoal, política e artística.

Sobre o artista
Ai Weiwei é uma das personalidades mais contundentes do século XXI. Como artista, realizou importantes exposições, como a retrospectiva So Sorry [Sinto muito], em 2009, na Haus der Kunst, em Munique, e Ai Weiwei: Dropping the Urn [Ai Weiwei: Deixando cair a urna], em 2011, no Victoria and Albert Museum, em Londres. Ai Weiwei também participou de mostras importantes como a Documenta 12 (2007), em que levou 1001 chineses para Kassel, no projeto intitulado Fairytale [Conto de fadas]. Em 2003, montou o escritório de arquitetura fake Design, começando a atuar como arquiteto e urbanista. Criou com Herzog & de Meuron o Estádio Nacional de Pequim, conhecido como Ninho do pássaro, para as Olimpíadas de 2008, e o projeto de 2012 para o Pavilhão da Serpentine Gallery, em Londres. Em 2006, Ai Weiwei descobriu a internet como plataforma para se expressar livremente, denunciando as irregularidades e injustiças em seu país, alcançando, por vezes, mais de 100 mil acessos diários. Ainda que o governo chinês tenha encerrado o blog do artista em 2009, depois de ele ter conquistado mais de 10 milhões de acessos, Ai Weiwei continua ativo em redes sociais, divulgando ideias, fotos e vídeos diariamente, em contato direto com milhões de seguidores em todo o mundo.

Sobre o autor
Hans Ulrich Obrist é curador e historiador da arte. Nasceu em Zurique, na Suíça, em 1968. Atualmente, é diretor artístico da Serpentine Gallery, em Londres. Nos últimos trinta anos, atuou como curador independente, além de ter sido curador do Musée d’Art Moderne de la Ville de Paris. Organizou mais de cem mostras internacionais, como Utopia Station, na 50ª Bienal de Veneza (2003), e Cities on the Move (1999), uma exposição multidisciplinar e itinerante que teve origem em Bangkok, na Tailândia. É autor de The Interview Project, em que faz o registro de entrevistas com artistas e intelectuais de vários países sobre diferentes áreas do conhecimento. Uma vasta seleção dessas conversas com pensadores do mundo todo encontra-se na série Hans Ulrich Obrist – Entrevistas, publicada pela Editora Cobogó em seis volumes, entre 2009 e 2012.

Ficha Técnica
Artista Ai Weiwei
Autor Hans Ulrich Obrist
Tradutor Diogo Henriques de Freitas
Idioma Português
Páginas 136
ISBN 9788560965434
Encadernação Brochura
Formato 14 x 21 cm
Ano 2013

Ai Weiwei – Entrevistado por Hans Ulrich Obrist
Ai Weiwei – Entrevistado por Hans Ulrich Obrist
Ai Weiwei – Entrevistado por Hans Ulrich Obrist
Ai Weiwei – Entrevistado por Hans Ulrich Obrist
Ai Weiwei – Entrevistado por Hans Ulrich Obrist
Ai Weiwei – Entrevistado por Hans Ulrich Obrist

Nome:

Email:

Estado:

Cidade:

Data de nascimento:

/ /

Áreas de Interesse: