Liliana Porter

Liliana Porter nasceu em 1941, em Buenos Aires, Argentina. Vivem e trabalham nos EUA. Em 2012, junto com a artista Ana Tiscornia trocou Manhattan por Rhinebeck, uma pequena cidade ao norte da ilha, onde encontraram um celeiro perfeito para montar um ateliê para projetos pessoais e colaborativos. Liliana revela-se como uma verdadeira “filósofa doméstica”, como ela mesma se define, que caminha (delicadamente) pela fronteira ambígua entre o real e o representado. Liliana toma o tempo e a memória como fios condutores para questionar a existência humana e o espaço entre a palavra e a coisa; e entre a coisa e nós, por meio de narrativas criadas com miniaturas. Filha de dramaturgo, a argentina cria obras que não vivem sem uma dose de drama e uma boa pitada de humor e ironia. “A felicidade é a mais alta forma de rebelião, não no sentido de ignorar tudo, estar ciente de tudo que acontece, mas também ser capaz de se rebelar contra o dramático e sorrir”, ensina Liliana.

Nome:

Email:

Estado:

Cidade:

Data de nascimento:

/ /

Áreas de Interesse: