Ilya Prigogine

Ilya Prigogine nasceu em Moscou, em janeiro de 1917, poucos meses antes da Revolução Russa, e morreu em Bruxelas, em 2003. Em 1921, tendo dificuldades para se adaptar ao novo regime, sua família deixou a Rússia e instalou-se na Bélgica. Prigogine concluiu o doutorado em química na Universidade Livre de Bruxelas, em 1941, onde passou a lecionar a partir de 1945. Em 1954, publicou Introdução à termodinâmica dos processos irreversíveis, em que desenvolveu a teoria da termodinâmica do não equilíbrio e o conceito de “estruturas dissipativas”, com os quais obteve vários prêmios, inclusive o prêmio Nobel de química de 1977. Posteriormente, enveredou por uma perspectiva cada vez mais filosófica de suas descobertas científicas, publicando obras como Entre o tempo e a eternidade (1988), escrita em colaboração com a filósofa e física Isabelle Stengers, e O fim das certezas (1997). Prigogine desenvolveu suas pesquisas num campo não restritivo onde a biologia e a física, o inevitável e o acaso, a ciência e a humanidade convivem lado a lado. Suas ideias exerceram forte influência sobre as ciências sociais, os campos cultural, político, econômico e tecnológico, bem como sobre numerosos artistas particularmente interessados em sua concepção de caos como princípio criativo e estruturante, e em sua nova abordagem da síntese.

ilya-prigogine

Nome:

Email:

Estado:

Cidade:

Data de nascimento:

/ /

Áreas de Interesse: