Doris Lessing

A escritora Doris Lessing nasceu em 1919, na Pérsia (atual Irã) e cresceu na Rodésia do Sul (atual Zimbábue). Em 1949, mudou-se para Londres, na Inglaterra, onde vive até hoje. Autodidata, publicou seu primeiro livro em 1950, The Grass is Singing [A grama está cantando], já obtendo grande sucesso na Europa e nos Estados Unidos. De 1951 a 1959, escreveu a série Filhos da violência, em que expõe ideais comunistas e questiona o papel da mulher na família e na sociedade. A ousadia de sua escrita lhe valeu a condição de persona non grata no Zimbábue e na África do Sul, em 1956. Nos anos 1970 e 1980, Doris Lessing publicou uma série de romances fantásticos, Canopus em Argos. Entre 1994 e 1997, publicou três volumes autobiográficos, Debaixo da minha pele, Andando na sombra e Alfred e Emily. A partir de 1997, a escritora adaptou alguns de seus livros para libretos de ópera, por encomenda de Philip Glass. Em 1999, foi agraciada pela rainha Elizabeth II com o título de Companheira de Honra, mas rejeitou o título de Dama do Império Britânico, por considerar que tal império já não existia. Em 2007, Doris Lessing recebeu o Prêmio Nobel de Literatura, com o livro As avós.

Livros

Hans Ulrich Obrist – Entrevistas vol. 4 BOOK FRIDAY
doris-lessing

Nome:

Email:

Estado:

Cidade:

Data de nascimento:

/ /

Áreas de Interesse: