Carla Juaçaba

Carla Juaçaba nasceu em 1976, no Rio de Janeiro. Atualmente, vive e trabalha em Londres. Formou-se em arquitetura pela Universidade Santa Úrsula, no Rio de Janeiro, em 2000. Como arquiteta, seu trabalho envolve tanto programas culturais quanto projetos privados. Juaçaba desenvolveu os projetos Casa Atelier (2002), Casa Rio Bonito (2005), Casa Varanda (2008), Casa Santa Teresa (2008), além de projetos de expografia para importantes exposições. O efêmero Pavilhão Humanidade, em 2012, para a Rio+20 – localizado no Forte de Copacabana, entre as praias de Ipanema e Copacabana –, concebido com a diretora teatral Bia Lessa para ser, ao mesmo tempo, o edifício e a exposição em si, e receber a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, foi posteriormente publicado no livro da Harvard GSD Urbanismo Ecológico na América Latina. Juaçaba é docente na Academia di Architettura Mendrisio, na Suíça, e participou de eventos em Harvard GSD, Columbia University GSAPP, entre outras instituições. Foi convidada para o workshop na IUAV di Venezia em 2014 e 2020; e em 2012 e 2019, foi júri na Biau-Bienal Ibero-Americana em Madri. A arquiteta ganhou a primeira edição do prêmio internacional ArcVision Women and Architecture em 2013, na Itália. Em 2018, participou da Bienal de Arquitetura de Veneza com o projeto BALLAST; construiu uma das capelas do Vaticano para o Pavilhão da Santa Sé, que agora é parte do patrimônio cultural italiano; e foi a vencedora do prêmio AREA Architectural Review Emerging Architecture Award.

Livros

carla-juacaba

Nome:

Email:

Estado:

Cidade:

Data de nascimento:

/ /

Áreas de Interesse: